Buscar
  • Norberto Tordin

Mapeamento dinâmico estruturado não é framework de mapeamento



Com a proximidade de agosto/2020 muitas empresas estão sendo abordadas a respeito da LGPD e bombardeadas com uma série de metodologias e propostas (algumas de milagres) que farão com que a empresa, de um dia para outro, contratando profissionais com muitos anos de experiência, terão todos seus problemas com a LGPD resolvidos e atendidos.


Aí, fica a pergunta: O quê ou quem pode esclarecer como atender a LGPD e evitar notificações e multas?


Dependendo para quem for feita esta pergunta, com certeza virá uma resposta que mais se enquadra no perfil da pessoa que está respondendo. Mas será isso suficiente?


Basicamente a LGPD diz que a empresa que faz a coleta dos dados dos indivíduos é responsável por manter estes dados seguros contra acessos indevidos, vazamentos, roubos. Além disso, que as estratégias internas (políticas de segurança) de obtenção dos documentos e dados sejam claros e transparentes quanto ao objetivo e com consentimento prévio para o uso a que se destina no momento da coleta.


Atendendo isso a empresa estará atendendo as exigências da LGPD? Ainda faltarão mais alguns itens, como temporalidade, canal de comunicação, direito ao esquecimento, compartilhamento dos dados coletados, revisões de contratos, criação de termos de responsabilidade, auditoria dos dados, interação com o indivíduo por um canal de fácil acesso, etc.


São, realmente, vários itens a se preocupar e se não houver uma equipe de especialistas em cada assunto a possibilidade de “esquecer” algo será muito grande.


E, de novo, fica a pergunta: O que fazer? Quem pode ter a capacidade de juntar estes especialistas sem deixar que nada fique esquecido?


A NAI-IT, empresa com especialidade em Gestão de Identidades e Acessos, com vários clientes de grande porte já com uso do seu software (NIDM), se habilita a ser uma destas empresas com esta capacidade em saber o que fazer e de juntar especialistas.


E faz ainda mais. Elaborou um modelo de oferta para a LGPD que prevê o nível de maturidade do cliente para que o processo seja gradativo e de acordo com a disponibilidade financeira da empresa cliente.


Esta oferta prevê a disponibilização de um mapeamento dinâmico estruturado para que os especialistas possam acessar formulários eletrônicos estruturados para cada tipo de demanda de mapeamento da LGPD. O mais importante é que não é um framework de mapeamento, mas uma estrutura completa que permitirá à empresa fazer uso das informações inseridas durante o ciclo de maturidade e evolução. Os dados inseridos serão vivos e, à medida que se faça necessário algum ajuste, estas mudanças terão reflexo imediato no processo, conforme o nível de maturidade do cliente e utilização das ofertas da NAI-IT.


Resumidamente, a maturidade começa com o preenchimento dos formulários eletrônicos e validação com a alta direção do que foi verificado.


Num segundo nível de maturidade trataremos transparência e consentimento (automático conforme dados dos indivíduos armazenados nos sistemas da empresa de coleta de dados) e para os próximos níveis de maturidade os demais itens com a automação gradativa. Ou seja, a evolução dependerá exclusivamente da demanda que a empresa tiver e os recursos liberados à medida que forem sendo necessários.


A NAI-IT não propõe milagres, defende seu modelo de trabalho e não critica outros tipos de oferta. Atua com especialistas nas demandas e tem como diferencial o fato de oferecer uma estrutura de mapeamento dinâmico estruturado com possibilidades de, conforme o nível de maturidade da empresa, crescer em recursos para atendimento da LGPD.


Para conhecer as ofertas completas da NAI-IT e como poderemos atender a LGPD entre em contato e faremos uma apresentação completa.


Caso você que está lendo este post possua alguma especialidade no tema LGPD e tenha interesse em fazer parte do nosso time, encaminhe material para análise.


13 visualizações

Fale conosco

Se for a sua vontade, não precisa se identificar.